J-League - Kashima Antlers precisou de virada e critério de gols fora de casa para a conquista.

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

J-League - Kashima Antlers precisou de virada e critério de gols fora de casa para a conquista.

Mensagem  Leonardo Luiz em 4/12/2016, 7:57 pm

O Kashima Antlers conseguiu o seu oitavo título japonês neste sábado de maneira dramática. O time tinha perdido o primeiro jogo da final para o Urawa Reds por 1 a 0, em casa, o que complicou muito a situação. Mas uma vitória de virada por 2 a 1 na casa do adversário deu o título ao time, que fica com a taça pela oitava vez. Como bônus, o clube ainda jogará o Mundial de Clubes a partir do dia 8, que o Japão sedia.

O Campeonato Japonês adota um formato de playoff pela segunda vez, depois da mudança de regulamento em 2015. O campeão de cada turno e mais o time que estiver entre os três melhores na tabela geral anual (e não for campeão) vão para a decisão. O time de melhor campanha está automaticamente na final; os outros dois disputam uma vaga na decisão. O Urawa Reds foi direto à decisão. O Kashima Antlers enfrentou o Kawasaki Frontale, em jogo único, no dia 23 de novembro e venceu, fora de casa, por 1 a 0. Vencer fora de casa foi mesmo o destino deste time.

Tudo parecia bem para o Urawa Reds, que abriu o placar com Shinzo Koroki. Uma vantagem enorme, que permitia que o time da casa até mesmo empatasse e ainda seria campeã. As 60 mil pessoas estavam enlouquecidas no estádio, vestidas de vermelho – cor das duas equipes. Só que era o Urawa que vestia o vermelho. O Antlers estava de branco.

O domínio do Urawa se traduzia em chances de gol que o time vinha criando, mas desperdiçava. E o preço foi alto. O gol de empate do time visitante veio ainda no primeiro tempo. Mu Kanazaki, de cabeça, aproveitou cruzamento e marcou, aos 40 minutos. A virada veio aos 34 minutos do segundo tempo, quando Yuma Suziki invadiu a área e foi derrubado por Tomoaki Marino. Kanazaki foi o responsável pela cobrança e não desperdiçou: 2 a 1.

Com isso, o Kashima Antlers levanta a taça pela primeira vez desde 2009, quando foi tricampeão com o técnico Oswaldo de Oliveira e o meia Danilo, que voltaria ao Brasil para defender o Corinthians no ano seguinte. Desta vez, o elenco tem dois brasileiros: o meia Fabrício, de 26 anos e que pertence ao Portimonense, de Portugal; e o zagueiro Wellington Bueno, de 21, que sequer jogou no Brasil. Já se profissionalizou no Japão.

O Kashima Antlers vai ao Mundial de Clubes de 2016 como campeão do país sede. Por isso, entra na fase preliminar contra o campeão da Oceania, o Auckland City. O jogo será no dia 8 de dezembro, próxima quinta-feira. O vencedor enfrentará o Mamelodi Sundowns, da África do Sul, campeão africano. E o vencedor deste confronto jogará com o Atlético Nacional, da Colômbia, campeão da Copa Libertadores.


avatar
 
 
Leonardo Luiz
Idade : 21
Mensagens : 300
Data de nascimento : 08/10/1995
Localização : Santa Gertrudes/SP

http://footnager.blogspot.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: J-League - Kashima Antlers precisou de virada e critério de gols fora de casa para a conquista.

Mensagem  Raphael Andrade em 6/12/2016, 12:01 am

O Kashima Antlers me dá uma saudade boa daqueles áureos tempos da J-League ali de meados dos anos 90. A Rede Manchete transmitiu por um tempo, tinha um joguinho pra videogame bem divertido (difícil era entender os ideogramas) e vários jogadores conhecidos - brasileiros e de outros países também. Até a crise asiática do final daquela década, era um campeonato legal de acompanhar, e ainda era um mercado financeiramente atrativo, como é hoje a liga chinesa - só que tinha muito mais carisma.

Além do Kashima, tinha também Verdy Kawasaki, Kashiwa Reysol, Gamba Osaka, Cerezo Osaka, Nagoya Grampus Eight, Yokohama Marinos, Yokohama Flugels, Sanfreece Hiroshima, Shimizu S-Pulse, Jubilo Iwata, Urawa Red Diamonds, JEF-United e Bellmare Hiratsuka. Depois foram subindo outros (me lembro quando estrearam o Avispa Fukuoka e o Kyoto Purple Sanga), alguns se fundiram, mudaram de nome, de cidade ou foram extintos. Mas aí eu já não acompanhei mais.
avatar
 
 
Raphael Andrade
Idade : 18
Mensagens : 2
Data de nascimento : 18/09/1998
Localização : Brasilia-DF

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum