Liverpool: Com a clavicula quebrada Gerry Byrne garante primeira FA Cup.

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: Liverpool: Com a clavicula quebrada Gerry Byrne garante primeira FA Cup.

Mensagem  Leonardo Luiz em 29/11/2015, 3:56 pm

O homem que aguentou 117 minutos com a clavícula quebrada para dar ao Liverpool sua 1ª FA Cup

O Liverpool começou a despontar como uma das forças do Campeonato Inglês na primeira década do Século XX. Os Reds conquistaram o seu primeiro título da liga em 1901, na mesma época em que se estabeleceram como participante perene na elite. Foram cinco taças até o início dos anos 1960, quarto maior campeão nacional até então. Contudo, um incômodo tabu persistia em Anfield: o clube nunca havia conquistado a Copa da Inglaterra. Os Reds estrearam no torneio mais antigo do mundo logo em 1892, ano de sua fundação. Mas nunca tinham passado do vice-campeonato, caindo na final em duas ocasiões.



A sorte do Liverpool na FA Cup só mudou em 1965, sob as ordens do lendário Bill Shankly. E com a participação decisiva de Gerry Byrne, voluntarioso lateral que nunca vestiu outra camisa em sua carreira. Mesmo somando mais de 300 partidas oficiais com o clube, o defensor era coadjuvante, conhecido mais pela força física do que pela qualidade técnica. Naquela tarde, no entanto, tornou-se herói da conquista inédita ao lutar durante 117 minutos com uma clavícula quebrada. Contou com a gratidão dos Reds por toda a vida, até seu falecimento neste sábado, aos 77 anos.

Nascido em Liverpool e formado nas categorias de base, Byrne surgiu entre os profissionais durante uma das maiores crises do clube. A partir de 1954, os Reds atravessaram oito temporadas consecutivas na segunda divisão, a mais longa sequência de sua história. O clube começou a reviravolta apenas em 1959, com a chegada do lendário Bill Shankly. E o técnico fez uma verdadeira limpa no elenco, mandando embora 24 jogadores. Byrne acabou sendo um dos únicos a permanecer. A partir de então, se transformou em homens de confiança do treinador na reconstrução do time.

Byrne já tinha se estabelecido entre os titulares quando o Liverpool chegou à final da Copa da Inglaterra de 1965. Mais de 100 mil pessoas lotavam as arquibancadas de Wembley para ver o duelo com o forte time do Leeds, treinado por Don Revie. E o lateral começou o jogo sofrendo um duro choque com o capitão dos Whites, Bobby Collins. O relógio marcava apenas três minutos e o inglês precisou de atendimento médico urgente. Sentia as dores de uma clavícula quebrada.

Na época, as substituições ainda não eram permitidas na decisão da Copa da Inglaterra. Então, Byrne acabou obrigado a voltar em campo. Mesmo sofrendo com o osso quebrado, o lateral tentava aparentar firmeza, para não se tornar o ponto de exploração do Leeds. Da mesma forma, Shankly tratou a lesão como se nada tivesse acontecido, para não indicar nada aos rivais. O defensor permaneceu batalhando durante os 90 minutos, após duro empate por 0 a 0. Teria que suportar ainda a meia hora extra prevista na prorrogação.

Dando seu suor em campo, Byrne seguia apoiando o ataque. E, em uma das subidas à linha de fundo, cruzou para Roger Hunt abrir o placar. O Leeds até conseguiu empatar com Billy Bremner, mas o esforço do defensor não foi em vão. Aos oito minutos da segunda etapa da prorrogação, Ian St. John marcou o gol decisivo na vitória por 2 a 1. Enfim, o Liverpool conquistava o inédito e esperado título da Copa da Inglaterra. Gerry Byrne se tornou símbolo do feito, elogiado por seus companheiros pela bravura que demonstrou nos 120 minutos.

Ao longo de sua carreira no clube, Byrne ainda conquistou duas vezes o Campeonato Inglês, além de servir a seleção inglesa na Copa do Mundo de 1966, reserva de Alf Ramsey no título mundial. Aposentou-se em 1969, com apenas 31 anos, sem participar do sucesso estrondoso do Liverpool na década de 1970. De qualquer maneira, a história do lateral esquerdo já estava consolidada. E, embora não tenha sido o primeiro herói a triunfar na Copa da Inglaterra com ossos quebrados, seu valor para os Reds é incomparável.

avatar
 
 
Leonardo Luiz
Idade : 21
Mensagens : 300
Data de nascimento : 08/10/1995
Localização : Santa Gertrudes/SP

http://footnager.blogspot.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Liverpool: Com a clavicula quebrada Gerry Byrne garante primeira FA Cup.

Mensagem  Milhouse em 29/11/2015, 5:12 pm

A foto é da final? Pois aquela temporada foi precisamente a primeira em que o Liverpool passou a vestir-se todo de vermelho, uma aposta do Shankly de que assim os jogadores pareceriam mais imponentes. Até então, como se vê na foto, usavam calções e meias brancas.
avatar
 
 
Milhouse
Idade : 23
Mensagens : 40
Data de nascimento : 18/11/1993
Localização : Santos

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Liverpool: Com a clavicula quebrada Gerry Byrne garante primeira FA Cup.

Mensagem  Penumba em 30/11/2015, 8:39 pm

Milhouse - Não é... O Liverpool jogou inteiro de vermelho na final, enquanto o Leeds vestiu somente branco.
avatar
 
 
Penumba
Idade : 22
Mensagens : 4
Data de nascimento : 13/02/1995
Localização : Contagem

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Liverpool: Com a clavicula quebrada Gerry Byrne garante primeira FA Cup.

Mensagem  Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum